Céu laranja: Dia vira noite na Califórnia por causa de incêndios

Amélia 11/09/2020 04:02 Relatar

Um céu apocalíptico tomou conta da cidade de São Francisco, na Califórnia. Diversas imagens da cidade circularam nas redes sociais e a internet mostrando os efeitos da fumaça e do forte incêndio que assola a região.Desde o início do período mais seco, um recorde de 2,5 milhões de acres já foram devastados pelo fogo no estado, segundo informações do governo local. Oito pessoas morreram e 3.700 estruturas foram destruídas.

Na região da Baía de São Francisco, o sol foi encoberto pela fumaça das chamas e pela neblina matinal, dando à paisagem um aspecto alaranjado escuro e causando a impressão de que ainda era noite, embora já fosse de manhã. Os postes da cidade precisaram ficar ligados ao longo do dia e os carros tiveram que acender os faróis — o mesmo aconteceu em outros municípios da região.

O fenômeno que deixou o céu da Califórnia laranja é comum em regiões próximas a grandes incêndios. Isso acontece porque partículas de fumaça começam a se assentar e bloqueiam os raios solares. Essa é uma das consequências dos diversos focos de queimadas que vêm se espalhando rapidamente pelos três estados americanos, destruindo casas e forçando milhares de pessoas a deixarem a área. 

Cidades destruídas

Embora os incêndios florestais sejam comuns na Califórnia durante o verão no Hemisfério Norte, a temporada deste ano já é a mais grave da história moderna do país, quando medida em área queimada. Mais de 1 milhão de hectares de florestas foram destruídos na Califórnia este ano — quase 20 vezes o que havia queimado nesta mesma época no ano passado — e houve mais 2.650 focos de incêndios do que em 2019.

Já em Oregon, as  chamas , alimentadas por rajadas de vento de 72 quilômetros por hora, atingiram duas cidades, destruindo mais de mil casas e aumentando o temor de que algumas pessoas possam não ter chance de escapar. O  fogo já consumiu cerca de 121 mil hectares, e as autoridades afirmaram que esperam por mais danos.  

A governadora do estado, a democrata Kate Brown, disse nesta quarta-feira que as chamas já devastaram as cidades de Detroit, Blue River, Vida, Phoenix e Talent. O fogo também forçou a saída da população de grande parte de Medford, no sul do estado. Segundo Brown, esta pode ser "a maior perda de vidas humanas e propriedades" causada pelos incêndios. Ela, no entanto, não divulgou nenhum balanço.  O maior número de mortes por incêndios florestais em Oregon ocorreu em 1936, quando 13 pessoas morreram após as chamas lamberem parte da cidade de Brandon.

Parte do conteúdo do artigo é proveniente da Internet. Se seus direitos de privacidade forem violados, o site será processado o mais rápido possível. Relatar
Artigos recomendados

©2020 didiadidia.com. All Rights Reserved. Sobre nós Política e segurança Termos Privacidade Direitos autorais

Isenção de responsabilidade:Este site opera enviando artigos em tempo real e não assume nenhuma responsabilidade legal pela autenticidade, integridade e posição de todos os artigos. O conteúdo de todos os artigos representa apenas as opiniões pessoais do autor e não é a posição deste Site. Os usuários devem julgar a autenticidade do conteúdo. O autor possui os direitos autorais do artigo publicado neste site. Como este site é restrito pelo modo de operação "publicação em tempo real", não podemos monitorar completamente todos os artigos. Se os leitores encontrarem problemas, entre em contato conosco. Este site tem o direito de excluir qualquer conteúdo e recusar qualquer pessoa a publicar artigos neste site e também o direito de não excluir o artigo.Não escreva palavrões, calúnia, violência pornográfica ou ataques pessoais, seja disciplinado. Este site reserva todos os direitos legais.
TOP
X
Relatar
Use um endereço de e-mail real. Se não pudermos entrar em contato com você, não poderemos processar seu relatório.