Luto! Sargento da PM grava áudio chocante para familiares e amigos antes de morrer de COVID; Ouça!

Web News 27/04/2021 Relatar Quero comentar

O sargento da Polícia Militar que foi sepultado nesta segunda-feira (26), no Cemitério Campo da Esperança de Taguatinga, deixou mais dois áudios de despedida: um para mãe e outro para os irmãos.

Webert Primo Mendes, de 45 anos, passou um mês internado, mas antes de ser intubado, deixou mensagem com esposa para ser entregue para sua mãe e seus irmãos 'caso acontecesse o pior'.

Lilia reconhece a força de vontade de seu marido em vencer a doença e garra na luta contra a COVID.

"Mesmo com o pedido para que compartilhasse os áudios, tinha fé de que ele voltaria. Guardei os áudios até o último momento, enquanto o coração dele permaneceu batendo".

O policial que faleceu em decorrencia da COVID-19, comoveu a cidade de  deixa três filhos: Maria Luíza, de 19 anos; Evelym, de 16; e Enzo, de 7, sua esposa, agora viúva diz que o momento do luto está sendo um momento muito difícil, e reconhece que ele lutou até o último momento.

Ouça o audio!

Em detalhes, contou:

"Ele morreu no domingo, às 17h44. Parece que estava apenas esperando a gente chegar no hospital. Fui para lá com a filha dele mais velha. No quarto, liguei para minha sogra, que falou que ele poderia partir, se quisesse, e que Deus estava o esperando. Não passou cinco segundos e o monitor acusou o óbito. Os médicos vieram e nos tiraram da sala".

Comentário do usuário
Você pode gostar