A bordo de nave da SpaceX, astronautas da Nasa chegam à Estação Espacial Internacional

New York Times 24/04/2021 Relatar Quero comentar

A nave havia decolado na sexta-feira para um voo de 23 horas. A estação espacial fica a cerca de 400 km da Terra. Quatro astronautas chegaram, na manhã deste sábado (24), à Estação Espacial Internacional a bordo da nave da SpaceX, A chegada marcou a primeira vez em que dois veículos espaciais da SpaceX ficam ancorados à estação ao mesmo tempo.

A bordo estão os astronautas da Nasa Shane Kimbrough, de 53 anos, comandante da missão, e a pilota Megan McArthur, de 49 anos. Também participam da missão um astronauta japonês, Akihiko Hoshide, de 52 anos, e o especialista francês Thomas Pesquet, de 43 anos, engenheiro da Agência Espacial Europeia. Os astronautas devem ficar seis meses no espaço, conduzindo experimentos e fazendo manutenção na estação antes de voltarem para casa.

A equipe foi a primeira a ir ao espaço em uma nave construída a partir de material reciclado de um lançamento anterior. Os quatro astronautas foram recebidos na estação por mais 7 astronautas que já estavam lá: três da Nasa, um da agência espacial japonesa, dois cosmonautas russos e um astronauta americano que dividiu um voo da Soyuz.  A pilota McArthur é a segunda pessoa de sua família a viajar a bordo da cápsula da SpaceX: ela é casada com o astronauta da Nasa Bob Behnken, que participou do voo de demonstração da empresa com o astronauta Doug Hurley no ano passado.

A equipe também é a segunda lançada pela Nasa desde que os EUA retomaram os lançamentos com astronautas a partir de solo americano, no ano passado. A primeira, lançada ao espaço em novembro, deve voltar à Terra no dia 28. O país tinha ficado 9 anos sem lançar aeronaves tripuladas. Esta missão é a terceira da parceria da empresa com a Nasa. A SpaceX foi fundada por Elon Musk, bilionário que é diretor-executivo da montadora de carros elétricos Tesla.

Veículos auxiliares reutilizáveis, projetados para retornar à Terra e pousar com segurança assim que se separarem do resto do foguete, são a grande inovação da SpaceX. A empresa pretende fazer isso para tornar o voo espacial mais econômico.

Comentário do usuário