Auxílio Emergencial 2021: 1ª parcela é confirmada para ESTE grupo

Claudione 27/03/2021 Relatar Quero comentar

Excelente notícia para os inscritos no  Auxílio Emergencial. Na última quinta-feira, 25 de março, o presidente  confirmou, durante sua live semanal, o início de pagamento do programa para o dia 4 ou 5 de abril.

“O auxílio emergencial começa no início da semana que vem (sic), dia 4 ou 5 [de abril]. São mais quatro parcelas do auxílio emergencial, que já é o maior programa social do mundo, para atender exatamente aqueles que foram atingidos pela política do ‘fique em casa’, ‘feche tudo’”, retrucou Bolsonaro.

A política do governo concernente a liberação do benefício em 2021 está bem mais rígidas do que comparada com a de 2020. A começar pela restrição de novos inscritos, além da diminuição de valor do benefício.

Ainda no decorrer da live, Bolsonaro garantiu que o governo manteve a economia do país ativa, mesmo diante das dificuldades da pandemia do coronavírus.

O governo federal manteve viva a economia no ano passado e, mais ainda, fez com que o país, assim como o mundo todo estava previsto ter um PIB negativo, com exceção da China, os demais países tiveram PIB negativo. E o Brasil foi o quarto que menos decresceu. Então, invariavelmente fruto de várias políticas do governo voltada para o emprego”, disse o mandatário.

Quem vai receber o auxílio emergencial 2021?

De acordo com as regras para receber o auxílio, 45,6 milhões de pessoas têm direito a receber o benefício. O Governo delimitou que só poderão receber o auxílio as  famílias que tenham renda total de até três salários mínimos por mês, sendo que a renda por pessoa deve ser menor do que meio salário mínimo.

Como dito anteriormente, o beneficiário precisa ter sido aprovado para receber o benefício em 2020, pois não serão abertas novas inscrições.

No que tange aos inscritos no Bolsa Família, as regras para receber o auxílio levam em conta o valor mais vantajoso, ou seja, se o auxílio for maior do que o benefício do Bolsa, a pessoa receberá o valor do auxílio.

Comentário do usuário