Corpos são trocados e família enterra morto errado no interior de São Paulo...

ana sousa 17/04/2021 Relatar Quero comentar

Nesta quinta-feira (15) aconteceu um enterro errado. Família enterra um outro morto achando que era o corpo de seu familiar, isso aconteceu no Hospital Bom Samaritano, e a polícia civil de Arthur Nogueira (SP) decidiu abrir um inquérito para investigar mais a fundo o que veio acontecer para ter tido essa troca dos corpos.

Uma vez que seu Braz Inácio Coelho, com idade de 61 anos não faleceu de covid-19 família estranhou ao receber um corpo de um homem todo lacrado no velório que ocorreu anteontem. A família desconfiada do ocorrido começou a questionar a funerária, para saber o pq que o caixão estava lacrado, e acabou que descobrindo que realmente tinha acontecido a troca do corpo.

Foi descoberto que dentro daquele caixão estava o corpo que tinha ficado enterrado em chamado Bom Samaritano, de Arthur Nogueira onde estava com quadro de covid-19 e que não tinha resistido vindo a óbito o nome do falecido era Adão dos Santos com idade de 55 anos de idade, e morava em Santo Antonio de Posse (SP).

A família contou em depoimento para a polícia, que assim que descobriram a troca a funerária entrou em contato com o familiar de Adão dos Santos. As cidades de uma para a outra era de 30 km de distância, mais a família logo ficou sabendo que o seu parente Brás Inácio já tinha sido enterrado pela família do outro falecido.

Depois que foi provado todas as trocas o cemitério de santo Antônio da Posse teve que desenterrar o seu Brás e cada família enfim recebeu os corpos certos. Anteontem Arthur foi enterrado em sua cidade, mais mesmo assim a família de Brás resolveu abrir um boletim de ocorrência. A polícia civil disse que vai investigar o inquérito aberto para ver se houve algum delito penal grave.

Comentário do usuário