Imprensa argentina repercute triunfo do Grêmio sobre o Lanús e lembra final da Libertadores: “Maldito Déjà vu”

Tiagofraga 30/04/2021 Relatar Quero comentar
Principal periódico esportivo da Argentina, o Diário Olé classificou como um “maldito Déjà vu” para o Lanús a derrota de 2×1 diante do Grêmio nesta quinta-feira à noite, em casa, pela segunda rodada da Copa Sul-Americana. A referência neste termo é à final de 2017, da Libertadores, que terminou com mesmo placar e no mesmo local a favor dos gremistas.

Se na ocasião a vitória foi construída com gols de Fernandinho e de Luan, desta vez os jovens Léo Pereira e Ferreira se tornaram os responsáveis por mais um triunfo gremista diante dos argentinos.

“O Grêmio, carrasco da final da Libertadores de 2017, voltou ao estádio La Fortaleza, derrotou o Grena por 2 a 1, como havia feito ao se sagrar campeão da América, e acrescentou mais uma frustração ao Lanús, que vem em queda livre há várias semanas”, escreveu o diário Olé, que acrescentou: “Um maldito Dájà vu” – .

 

Em relação ao elenco de 2017, vencedor do tri da Libertadores sobre o Lanús, sete jogadores ainda continuam no Grêmio. Geromel, Cortez e Maicon atuaram nesta quinta novamente, enquanto Kannemann, Paulo Victor, Michel e Leonardo Gomes ficaram no Brasil.

O próprio Grêmio, através de sua conta oficial no Twitter, fez menção ao jogo do título de 2017 após o encerramento da partida desta quinta:

O Grêmio lidera a chave da Sul-Americana com 6 pontos e recebe o Aragua quinta que vem, 19:15, na Arena. Antes tem o Caxias, fora, domingo, 19h, pela ida da semifinal do Gauchão

Comentário do usuário