Em conversa com apoiadores, Bolsonaro desabafa: “Daqui a pouco vai faltar band-aid e vão querer me culpar”

will 20/01/2021 Relatar Quero comentar

Nesta Segunda- feira (18) durante conversa com apoiadores na saída do Palácio da Alvorada o presidente da república, Jair Bolsonaro desabafou sobre 2020 “2020 foi um ano atípico”. Em suma, o presidente desabafou falando que está faltando dinheiro para ele fazer tudo o que pretende “falta dinheiro para a gente fazer muita coisa”.

Por conseguinte, o presidente fez referência a frase que o mesmo tinha dito dias antes “o Brasil estava quebrado” que acabou gerando uma repercussão negativa por parte da mídia. Ademais, o presidente falou que ‘2020 é um ano atípico’ e que não conseguiu fazer tudo o que queria por falta de recursos.

Leia mais: 

. Afirmou o mandatário em diálogo no Alvorada.

Ademais, o presidente fez um breve desabafo acerca de uma transferência de responsabilidade, se referindo ao colapso da saúde pública em Manaus. Dessa forma, o presidente Bolsonaro disse que seu governo transferiu bilhões para os estados; logo a culpa por falta de medicamentos é do secretário de saúde estadual e municipal.

Leia também:

“Culpam o governo. Nós destinamos bilhões para os estados. Agora, quem detecta a falta de medicamento e ausência é o respectivo secretário de saúde, estadual e municipal.” Comentou o presidente.

Por fim, o presidente afirmou, de maneira irônica, que se faltar band-aid no Rio de Janeiro vão querer culpa-lo. Assim, concluiu dizendo que sabe que a verdadeira luta é pelo poder.

Continue lendo: 

“. declarou o Chefe de Estado.

Com a informação 

Comentário do usuário