Mulher é presa após agredir a filha e esfregar fralda suja no rosto da criança; violência seria recorrente

N. Ferreira***** 17/10/2020 16:11 Relatar

Uma mulher foi presa em flagrante por maus tratos contra a filha de apenas um ano e nove meses no município de Ribeirão Cascalheira (900 km a leste de Cuiabá), em Mato Grosso.

Em nota, a assessoria de comunicação da Polícia Civil do Mato Grosso informou que a prisão foi realizada após uma denúncia feita ao Conselho Tutelar sobre um vídeo que a mostrava agredindo a criança com uma vara e em seguida esfregando uma fralda suja no rosto da criança. Segundo as informações, o Conselho Tutelar já havia sido acionado outras vezes sobre os maus tratos praticados pela mãe contra a menina.

A mulher de 27 anos foi presa em seu local de trabalho e autuada pelos crimes de maus tratos qualificados, por ser praticado contra menor de 14 anos, e lesão corporal no âmbito da violência doméstica. Ela também será investigada por tortura.

Ela foi conduzida para a Delegacia de Ribeirão Cascalheira, onde foi interrogada pelo delegado Deuel Paixão de Santana. Ao ser questionada, a mãe da criança confessou os fatos e disse que apenas estava educando a filha.

Após a denúncia, a criança foi resgatada pelas equipes da Polícia Civil e do Conselho Tutelar.

Parte do conteúdo do artigo é proveniente da Internet. Se seus direitos de privacidade forem violados, o site será processado o mais rápido possível. Relatar
Artigos recomendados

©2020 didiadidia.com. All Rights Reserved. Sobre nós Política e segurança Termos Privacidade Direitos autorais

Isenção de responsabilidade:Este site opera enviando artigos em tempo real e não assume nenhuma responsabilidade legal pela autenticidade, integridade e posição de todos os artigos. O conteúdo de todos os artigos representa apenas as opiniões pessoais do autor e não é a posição deste Site. Os usuários devem julgar a autenticidade do conteúdo. O autor possui os direitos autorais do artigo publicado neste site. Como este site é restrito pelo modo de operação "publicação em tempo real", não podemos monitorar completamente todos os artigos. Se os leitores encontrarem problemas, entre em contato conosco. Este site tem o direito de excluir qualquer conteúdo e recusar qualquer pessoa a publicar artigos neste site e também o direito de não excluir o artigo.Não escreva palavrões, calúnia, violência pornográfica ou ataques pessoais, seja disciplinado. Este site reserva todos os direitos legais.
TOP
X
Relatar
Use um endereço de e-mail real. Se não pudermos entrar em contato com você, não poderemos processar seu relatório.