Marido de Sari Côrte Real, ré no caso Miguel, não se reelege

Hora da Notícia 17/11/2020 Relatar Quero comentar

Sérgio Hacker (PSB), marido de Sari Côrte Real, não conseguiu se reeleger prefeito de Tamandaré, em Pernambuco. A primeira-dama se tornou ré na Justiça após a morte do menino Miguel, que caiu do 9° andar do prédio em que ela vive no Recife. A tragédia ocorreu em 2 de junho de 2020. 

O menino era filho da empregada dela e estava sob os cuidados dela quando caiu do prédio de luxo. Em junho, foi revelado que o salário da mãe de MIguel e pago pela prefeitura. No começo de outubro, a Justiça do Trabalho determinou o bloqueio de R$ 2 milhões de Sari Corte Real e Sérgio Hacker, em móveis, imóveis, ativos financeiros, participações em sociedades, títulos da dívida pública e demais títulos negociáveis em bolsas de valores.

Tamandaré elegeu Carrapicho (Republicanos), com 54,52% dos votos. O atual prefeito ficou em segundo lugar com 43,12% dos votos.

Comentário do usuário
X
Relatar
Use um endereço de e-mail real. Se não pudermos entrar em contato com você, não poderemos processar seu relatório.