Em menos de um mês, covid-19 mata pai, mãe, filha e devasta família em Goiás

Carlosandre1055 19/12/2020 Relatar Quero comentar

A covid-19 devastou uma família inteira no município goiano de São Luís de Montes Belos, deixando um rastro de dor e luto. Em pouco menos de um mês, o vírus levou a professora de Inglês Heloisa Rebouças, de 35 anos, e os aposentados Juarez Rebouças, de 71, e Maria Helena Rebouças, de 67. Filha, pai e mãe, respectivamente.

A primeira a contrair a doença e não resistir às complicações dela foi Heloísa, que veio a óbito no dia 28 de novembro. Alguns dias depois, em 5 de dezembro, seu pai, Juarez, que também estava internado com covid-19 também sucumbiu aos efeitos do vírus. Juarez morreu sem saber do óbito da filha.

Exatos 12 dias depois da morte de Juarez, sua esposa e mãe de Heloísa, Maria Helesa, também veio a óbito, no dia 17 de dezembro. Ela estava internada no HCamp de São Luís de Montes Belos. Três membros da mesma família que tiveram a vida ceifada pelo coronavírus em menos de um mês.

Pelas redes sociais, uma prima do irmão de Heloísa, filho de Maria Helena e Juarez, compartilhou uma mensagem de conforto. Pelo Facebook, a mulher lamenta a perda dos familiares e diz que a tragédia evidencia “que não temos poder sobre nossa vida”.

“Não sei o que Deus está querendo nos ensinar com essa pandemia, muitas vezes leva tempo para conseguir reconhecer o que Ele quer que façamos. Hoje, a única certeza que tenho é que AS SECUELAS [sic] EMOCIONAIS SERÃO ETERNAS.

Tudo isso deixou mais evidente que não temos poder sobre nossa vida e que não sabemos que dia Deus nos reservou. Por isso, devemos valorizar cada momento da melhor forma, com o máximo de amor que pudermos oferecer. O hoje nos foi garantido, mas o amanhã pode não existir.Tia você lutou bravamente. Obrigada prima, Tio e Tia pelo tempo que estiveram conosco. Hoje vocês estão novamente juntos e sem dor. E para nós resta a saudade e a gratidão de todos os momentos vividos.”

Comentário do usuário
Você pode gostar