Tragédia: menino de 4 anos morre após comer cachorro-quente em lanchonete e ser infectado por vírus

Noticia de Agora 21/12/2020 Relatar Quero comentar

Uma criança de apenas quatro anos acabou perdendo a vida após comer um popular alimento em uma lanchonete. O menino teve fortes sintomas logo após a ingestão de um cachorro-quente, que lhe infectou com um vírus e posteriormente causou a morte prematura.

A criança foi identificada apenas pelo nome de Elias. Ele morava na cidade de Salta, uma província que fica localizada na Argentina. A mãe do menino, que ficou em desespero com sua morte, detalhou o que o filho sentiu pouco antes de ir a óbito.

Sandra Bautista conta que Elias comeu um cachorro-quente, comida bastante popular em diversos países, em uma lanchonete da cidade de  La Merced, e começou a sentir dores de cabeça e vômitos após ingerir o lanche.

Sandra, ao ver que o filho não estava bem, o levou rapidamente para uma unidade de saúde local, onde a criança recebeu medicamentos. A mulher acreditava que o garoto iria melhorar, mas, infelizmente, não foi o que aconteceu.

O menino de quatro anos continuou sentindo fortes dores de estômago, vômitos e diarreia. Elias foi encaminhado para o Hospital Público Materno Infantil de Salta. Elias foi internado mas veio a óbito quatro dias depois.

Sandra afirma que Elias havia sido infectado com rotavírus e adenovírus, acrescentando que as pessoas geralmente se infectam com eles quando comem comida mal cozida ou estragada.A mulher ainda acusa o dono da lanchonete de frequentemente vender aos seus clientes comida estragada.

O hospital onde Elias foi internado confirmou que a criança foi acometida pelos vírus que sua mãe mencionou quando publicou a história em uma rede social.

Comentário do usuário