Filha presencia violação, denuncia e é assassinada pelo próprio pai

Tv e Famosos 09/10/2020 10:15 Relatar

Aos quatro anos, Letícia presenciou o próprio pai estuprar a tia com necessidades especiais. Oito anos depois, Horácio foi preso pelo abuso e a garota, então com 12 anos, tomou coragem e contou para a mãe que também era vítima de abusos do pai há cerca de um ano. Na cadeia, Horário descobriu a denúncia da filha e ficou furioso. Condenado a oito anos por abusar da cunhada, o homem ficou na cadeia por apenas quatro meses e logo ganhou o direito de responder em liberdade. Logo no primeiro dia fora da prisão, Horácio invadiu a casa da ex e implorou para a filha retirar a denúncia, o que ela prontamente negou. O homem então matou a própria filha e fugiu. Os crimes ocorreram em São Roque, no interior de São Paulo.

Parte do conteúdo do artigo é proveniente da Internet. Se seus direitos de privacidade forem violados, o site será processado o mais rápido possível. Relatar
Artigos recomendados

©2020 didiadidia.com. All Rights Reserved. Sobre nós Política e segurança Termos Privacidade Direitos autorais

Isenção de responsabilidade:Este site opera enviando artigos em tempo real e não assume nenhuma responsabilidade legal pela autenticidade, integridade e posição de todos os artigos. O conteúdo de todos os artigos representa apenas as opiniões pessoais do autor e não é a posição deste Site. Os usuários devem julgar a autenticidade do conteúdo. O autor possui os direitos autorais do artigo publicado neste site. Como este site é restrito pelo modo de operação "publicação em tempo real", não podemos monitorar completamente todos os artigos. Se os leitores encontrarem problemas, entre em contato conosco. Este site tem o direito de excluir qualquer conteúdo e recusar qualquer pessoa a publicar artigos neste site e também o direito de não excluir o artigo.Não escreva palavrões, calúnia, violência pornográfica ou ataques pessoais, seja disciplinado. Este site reserva todos os direitos legais.
TOP
X
Relatar
Use um endereço de e-mail real. Se não pudermos entrar em contato com você, não poderemos processar seu relatório.