Polícia diz que o suspeito levado até à delegacia, pelo desaparecimento dos garotos de Belford Roxo, é inocente. Moradores manifestaram e queimaram o ônibus:"Daqui ele não sai"

C.DE 12/01/2021 Relatar Quero comentar

Nesta terça-feira (12), um homem foi levado até à delegacia, pelos parentes das três crianças desaparecidas em Belford Roxo. O suspeito foi indicado como o responsável pelo desaparecimento dos garotos.Mas segundo as confirmações da polícia, o homem é inocente.

Durante um protesto, o ônibus foi incendiado no inicio da tarde. No decorrer dos protestos, os manifestantes gritavam que dali ele não saia. O individuo não teve a identidade exposta, por não ter qualquer participação no crime, no qual prestou declarações.

Já no exterior da delegacia, algumas pessoas atiraram lixo na rua e colocaram o fogo. A rodovia esteve fechada, é as treze horas e vinte cinco minutos o Batalhão de Choque chegou ao local.

A corporação, emitiu uma nota, onde diz que a Polícia Civil já esclareceu a suposta participação com o crime, e que a notícia é falsa. Após ser apurado, o homem não tem qualquer participação com o caso.

Já por volta das doze horas e quarenta e cinco minutos os parentes estava na entrada da delegacia, revoltados e gritando em voz alta:"Daqui ele não sai". O homem negou estar envolvido, e segundo a informação dos policiais, ele foi vítima de tortura. Ele reside no mesmo condomínio, onde os meninos residiam.

Já a ideia do defensor público, o homem é o possível autor do desaparecimento

Fábio Amado, foi acionado para prestar apoio às famílias das crianças, depois do contacto da Ordem de Advogados do Brasil, no qual contou que o homem que foi apontado como suspeito na participação do sumiço das crianças, continua no celular vídeos de abuso sexual de crianças.

O defensor afirma ainda, que foi apresentada um suspeito, que no celular tinha imagens de delitos contra crianças e adolescentes, no qual a partir desse momento é apontado como suspeito após constar esses fatos.

A polícia mais cedo, também falou que não existia quaisquer provas a respeito da relação do homem, com o desaparecimento das crianças. Ainda nessa tarde, o celular do homem irá ser levado para pericia. Caso o fato seja comprovado do crime, o home poderá ser preso por guardar conteúdo pornográfico incluindo crianças. 

Comentário do usuário