Casados a 61 anos, idosos morrem de mãos dadas com covid-19 e deixa todos comovidos

Notícias Diárias 25/12/2020 Relatar Quero comentar

O mundo está sofrendo com covid-19, muitas mortes ocorrendo, principalmente as pessoas do grupo de risco estão deixando esse mundo de forma triste. Uma história está comovendo a todos os internautas, hoje em dia é difícil de ver os casamentos durarem tanto, mas ainda temos muitos casais vivos que estão juntos a muitos anos, que infelizmente estão sendo levados por esse vírus. 

O registro é de um casal que estão juntos a 61 anos, eles foram infectados por covid-19 e precisaram ser levados para o hospital. Doris Pope, de 78 anos, e Sherwood Pope, quatro anos mais velho moram na  Raleigh, na Carolina do Norte, nos EUA, estavam internados a uma semana com sintomas graves de covid, o casal já tinha 61 anos de matrimonio.

Devido a complicação dos sintomas o casal precisou de ventilação mecânica, e foram colocados em camas separadas. porem  Sherwood fez um pedido comovente aos enfermeiros, que o deixasse morrer de mãos dadas com a esposa. Em entrevista ao jornal Fox News o filho do casal, Brian, explicou como foi o fim da vida do casal, “Eles [funcionários do hospital], então, montaram as duas camas. Os dois se deitaram e deram as mãos", disse ele. 

O filho do casal revelou que eles ficaram mais de três horas de mãos dadas, o homem morreu primeiro, minutos depois sua esposa morreu de mãos dadas com ele. Segundo o filho do casal, eles sempre se cuidaram nessa época de pandemia e usavam as proteções recomendadas pela OMS, diante da morte dos pais ele faz um grande alerta para o mundo “A pandemia é real, não é uma piada." Disse Brian. 

Sobre a relação do casal em todo esse tempo de união o filho respondeu: “nunca foram para a cama bravos um com o outro”. o que você achou dessa história? Compartilhe essa noticia com todos. 

Comentário do usuário
Você pode gostar