Padre adota recém-nascido com síndrome de Down que tinha sido abandonado

Marques 10/01/2021 Relatar Quero comentar

Família: existem de diversos tipos e tamanhos, mas todas possuem algo em comum – o amor. Em Lima, capital do Peru, o padre Omar Sánchez Portillo decidiu adotar um recém-nascido com   que havia sido abandonado, e agora eles formam uma família apaixonante!

Além de sua função de padre, Portillo já trabalhava como diretor de um abrigo para crianças, adolescentes e idosos, localizado em Lurín. Acostumado a estender as mãos a quem precisa, foi no seu aniversário de 51 anos que ele recebeu um chamado do coração.  Quando ele bateu os olhos no bebê abandonado,  .

Ismael tinha apenas 2 meses quando foi abandonado pela sua mãe, uma adolescente de 17 anos com problemas de alcoolismo e esquizofrenia não tratada. Esta história aconteceu há cerca de 2 anos, desde então ele tem um lar e muito amor de seu pai. Para o padre, o bebê foi um verdadeiro presente de Deus, como ele mesmo afirmou em publicação.

Ágatha tem 11 anos e possui uma doença de pele que não tem cura, chamada psoríase. Em cartinha para o Papai Noel ela pediu a cura de sua doença, para que parasse de sofrer bullying. Por isso, lançamos uma vaquinha na Voaa para custear o tratamento que a Ágatha precisa para ficar curada. Vamos ajudar? 

A  já ajudou muita gente em dificuldade, mas o pequeno Ismael tirou mesmo a sorte grande! As coisas não acontecem ao acaso, é como se ele tivesse vindo ao mundo para finalmente chegar às mãos deste padre generoso! ????

Fonte: 

Comentário do usuário