Pai é preso tentando vender a filha de dois anos no Maranhão

GLOBO 08/11/2020 Relatar Quero comentar

um homem foi preso após tentar vender a filha, de dois anos, na Praia Grande, em São Luís no Maranhão.

Segundo informações do Batalhão de Polícia Militar de Turismo (Bptur), por volta de 22h, uma guarnição estava fazendo ronda no Centro da cidade, quando se deparou com vários populares próximo a uma lanchonete.

Ao averiguar o local, a PM foi informada de que um homem estava oferecendo a filha por qualquer quantia ou objeto.

De acordo com a polícia, o pai da menina se encontrava muito alterado, sendo necessário os policiais fazerem uso da força para detê-lo. Ele foi detido e conduzido para a Casa da Mulher Brasileira, onde foi apresentado com algumas escoriações pelo corpo, por causa da resistência na hora da condução.

Segundo a delegada Adriana Meirelles, titular da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA), a menina foi entregue ao Conselho Tutelar e será encaminhada para perícia psicológica e social.

Já o pai da criança, foi autuado em flagrante e enquadrado no artigo 238 do Estatuto da Criança e do Adolescente, o qual aborda que “prometer ou efetivar a entrega de filho ou pupilo a terceiro, mediante paga ou recompensa” é crime, sendo que a pena, em caso de condenação, pode ser de um a quatro anos de reclusão e multa.

Comentário do usuário
X
Relatar
Use um endereço de e-mail real. Se não pudermos entrar em contato com você, não poderemos processar seu relatório.