Mulher corria a 115 km/h é presa e justifica que estava com muita vontade de fazer cocô

Bonafonte 11/11/2020 Relatar Quero comentar

Uma mulher de Oklahoma EUA, foi perseguida pela polícia na terça-feira passada porque dirigia a uma velocidade de 115 quilômetros por hora sem usar cinto de segurança. No entanto, o mais curioso é o motivo que Emily Owings Sind, de 28 anos, deu ao fazer essa abordagem: "Eu realmente quero fazer cocô." Na frente da polícia, Emily não tinha carteira de identidade. Ela mostrou apenas um cartão para extrair maconha medicinal.

Após entrar no sistema de controle, um dos policiais descobriu que a carteira de motorista americana havia sido revogada. Durante a abordagem, a jovem implorou: “Por que você não me deixa ir?” Emily perguntou.

Um agente respondeu: "Porque sua carteira foi suspensa." "Ela diz que não sabia. Se eu soubesse, não dirigia mais." A jovem respondeu. Emily então se desculpou e perguntou: "Por favor, posso ir para casa para evacuar?" Policial disse que não.

Então foi presa. Quando ela foi levada para o carro, ela perguntou: "Posso evacuar no seu carro?"

Emily foi atuada por escapar, sem cinto de segurança e dirigindo sem seguro. A polícia também encontrou metanfetamina e produtos consumíveis no carro.

Comentário do usuário
X
Relatar
Use um endereço de e-mail real. Se não pudermos entrar em contato com você, não poderemos processar seu relatório.