Adolescentes fazem bebê de 1 ano fumar narguilé A criança agora está sob a guarda do Conselho Tutelar

Theonnikezzia 07/04/2021 Relatar Quero comentar

Uma bebê de 1 ano e 8 meses, aparece em um vídeo fumando narguilé dentro de casa em Santana de Parnaíba, na Grande São Paulo. A prima, que completou recentemente 18 anos, foi quem deu o narguilé para a criança – no dia da gravação, ainda tinha 17 anos. No vídeo, ela aparece rindo da situação.

De acordo com o portal R7, a criança agora está sob a guarda do Conselho Tutelar. A mãe da bebê prestou depoimento à polícia nesta terça (6). As informações são da Record TV.

A prima da criança recebeu ameaças de morte e de espancamento de familiares depois que o vídeo viralizou nas redes sociais. As imagens mostram a levando a piteira à boca, puxando o ar e soltando fumaça. Confira abaixo a reportagem completa sobre o caso:

Nesta quarta-feira (7), a menina passará por exame toxicológico. A polícia quer saber que tipo de substância ela ingeriu.

O uso de narguilé pode trazer consequências graves para a saúde, como enfisema, bronquite, faringite e inflamação das vias aéreas.

Mãe afirma que não sabia da situação

Em entrevista à Record TV, a mãe da criança afirmou que não sabia o que acontecia com a filha.

“Uma brincadeira de mau gosto que fizeram com a minha filha. Eu não sei nem o que dizer, sabe. Eu tô chocada com isso que aconteceu”

Afirmou Gisele Pereira dos Santos.

Gisele tem 37 anos e sete filhos. A bebê é a mais nova e, eventualmente, fica aos cuidados da irmã de 12 anos, que também aparece no vídeo, junto com a prima. No momento da gravação, a mãe havia saído para buscar um dos filhos na casa do ex-companheiro.

“Eu não tive culpa de nada, eu não vi o que aconteceu, minha cunhada não viu o que aconteceu. Isso aí ocorreu sem a gente estar presente. Jamais permitiríamos uma coisa dessas.”

Comentário do usuário