Empresa de oxigênio em Fortaleza registra explosão e deixa cinco feridos

New York Times 24/04/2021 Relatar Quero comentar

Em Fortaleza, na manhã desse sábado por volta das 10 horas, uma explosão foi registrada na empresa fabricante de oxigênio White Martins, localizada na Avenida Francisco Sá, no Bairro Carlito Pamplona. Ambulâncias do Samu foram acionadas para o local. Cinco pessoas ficaram feridas, conforme descreveu o Corpo de Bombeiros. Três foram transferidas para o Hospital Instituto Dr. José Frota (IJF), no Centro da capital.

Segundo o IJF, os pacientes têm 19, 43 e 45 anos e todos se encontram estáveis, em avaliação clínica, acompanhados pelas equipes multiprofissionais do hospital e realizando exames de imagem. As outras duas pessoas atingidas tiveram ferimentos leves e foram liberadas.

O governador Camilo Santana lamentou o ocorrido em publicação nas redes sociais e adiou o anúncio do novo decreto de isolamento social no Estado. A empresa White Martins é uma das maiores fornecedoras de oxigênio hospitalar do Brasil e além da capital cearense, possui uma unidade instalada em Manaus. Todos lamentaram o ocorrido no qual provou imenso susto nas pessoas próximas do local e seus arredores.

"Nossa equipe da Secretaria da Saúde também acompanha a questão do fornecimento de oxigênio, para evitar problema de desabastecimento nos equipamentos de saúde. Estou acompanhando os fatos e torcendo pela rápida recuperação das vítimas", publicou Camilo.

Em nota, a empresa confirmou a ocorrência de um incidente em sua unidade de Fortaleza. Conforme a empresa, as primeiras informações relatam que os feridos foram conduzidos para um hospital, onde encontram-se estáveis e realizando exames de imagens para avaliação clínica.

"A empresa está dando apoio aos feridos e colaborando com as autoridades. As instalações afetadas não produzem oxigênio e são destinadas apenas ao enchimento de cilindros. A produção de oxigênio líquido no estado não foi comprometida e a empresa está buscando alternativas para o enchimento dos cilindros. Mais informações serão divulgadas oportunamente", diz a nota.

Comentário do usuário