Atirador mata 8 pessoas e logo depois tira a própria vida em Indianápolis

New York Times 16/04/2021 Relatar Quero comentar

Outras 6 ficaram feridas em ataque em prédio da FedEx. Em apenas 1 mês já é o 7º ataque a tiros nos EUA, em uma onda de violência que já deixou mais de 40 mortos e dezenas de feridos. Devido o prédio ficar próximo ao Aeroporto Internacional de Indianápolis e a rodovia interestadual 70 tudo chegou a ser interditado.

O fato ocorreu em um prédio da FedEx em Indianápolis, estado de Indiana. Um homem matou oito pessoas a tiros e feriu outras seis no final da noite de quinta-feira (15). Logo após o ocorrido o atirador se matou com um tiro assim que os agentes chegaram ao local. Ainda não foi informado pela polícia o motivo do ataque e a identidade do assassino.

Quatro pessoas foram hospitalizadas, uma delas com ferimentos graves, informou Genae Cook, porta-voz da polícia local. Já duas pessoas foram medicadas no local e liberadas. "É uma tragédia, mas vamos superar isso com louvor", afirmou Cook.

Essa onda de ataques  está mexendo com o povo americano. Já são 7 em apenas um mês. Todos os ataques já contabilizaram mais de 40 mortos e dezenas de feridos espalhados pelo país. Esses episódios já foram classificados pelo presidente americano,  , como uma "epidemia" e "vergonha internacional"

Tudo isso vem gerando controversas nos Estados Unidos já algum tempo. Muitos dos defensores do porte de arma recorrem à Segunda Emenda da Constituição americana para terem o porte, o que garante o direito de se ter uma arma. Já o governo tenta controlar o acesso a armamentos e lobistas recorrem à Justiça para derrubar a decisão.

Comentário do usuário