Sapo é encontrado em cemitério com boca colada e outras lesões; fotos

Web News 14/04/2021 Relatar Quero comentar

Um mistério deixou alguns moradores bastante assustado nesta semana na Grande Recife. Uma moradora local encontrou um animal no cemitério de Jaboatão dos Guararapes na cidade.

Segundo a moradora um sapo foi encontrado no local, porém, o animal estava com a sua boca colada e algumas lesões em seu corpo.

O animal foi encaminhado para uma unidade de tratamentos de animais silvestres e recebeu os devidos cuidados. A unidade é mantida pela Agência Estadual de Meio Ambiente (CPRH).

A veterinária Nathalia Gouveia foi quem prestou os cuidados na Unidade Básica de Saúde (UBS) Pet de Jaboatão.  A moradora cujo nome não foi revelado encaminhou o anfíbio para a unidade.

O gestor Yuri Marinho, informou através de uma nota compartilhada no site da CPRH, que a espécie do anfíbio, é muito popular e conhecida como sapo-cururu. Yuri também informou que os ferimentos se encontravam nas costas e na boca do animal.

Marinho continuou e informou que o animal irá permanecer na unidade até uma melhora, para que seja solto novamente na natureza.

Anfíbios anuros tem grandes funções na natureza, como o controle de insetos e outros vertebrados.

Por fim o responsável revelou que animais como os sapos, são muito sensíveis e que só aparecem em locais que estão muito infectados, como o cemitério onde foi encontrado.

Ainda não se sabe quem causou os danos ao animal. Lembrando que abusos, maus-tratos e ferir animais, independente se seja silvestre ou doméstico, é crime.

Comentário do usuário
Você pode gostar